Pandemia muda formas de trabalho e coworking ganha força

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Entrevista muito legal feita pelo portal MN com proprietários de um coworking da cidade de São Paulo.


A pandemia do novo coronavírus está acelerando o processo de modificação nas formas de trabalho. A quebra de paradigma ocorre em todo o mundo.

Uma dessas novas formas de pensar o trabalho, insere o coworking no cenário, ambiente que ganha força no mercado.

Em Marília, já há um ano a CW15 Coworking oferece um espaço com infraestrutura completa para quem quer trabalhar e fazer networking – rede de contatos, negócios, parceiros e clientes.

 

“Meu pai tinha esse imóvel aqui no Centro da cidade e a gente estava procurando uma destinação bacana para ele. Pensamos em uma coisa que está dentro da nova economia. Dessa economia compartilhada, de você aproveitar os recursos em função de uma gama de pessoas”, explicou a sócia proprietária do local, Mônica Aiex.

Profissionais independentes ou empresas, que procuram um espaço democrático em que possam desenvolver seus projetos sem o isolamento do home office ou as distrações de espaços públicos, encontram no coworking a solução inteligente.

“No coworking as pessoas começam a ter uma troca de informações e a abrir os horizontes. O coworking tem muito networking. Construtoras, consultores, cursos de mídia digital, que vem de fora, normalmente procuram este tipo de espaço, porque sabem que vão ter toda a estrutura e encontrar pessoas antenadas para aquilo que está acontecendo. Quem quer saber as tendências de uma cidade vai até um coworking, que é onde vai encontrar essa informação”, destacou Maurício Gomes Fernandes, sócio proprietário da CW15.

Através do coworking é possível a dedicação ao trabalho e crescimento profissional de uma forma mais simples e barata.

 

“Aqui a gente tem toda a estrutura que uma empresa ou um profissional liberal necessita para desenvolver seu trabalho focando naquele objeto que é a ideia do trabalho dela. Fornecemos toda a estrutura de trabalho, desde equipamentos mobiliários, internet, espaço de trabalho, água, luz, limpeza, café, etc. Tudo está dentro do valor combinado”, contou Mônica.

Escritório Virtual

Outro serviço ofertado é o ‘escritório virtual’, no qual o endereço do coworking é colocado no cartão de visita e toda a gerência da correspondência, a recepção, o atendimento telefônico e anotação dos recados fica sob responsabilidade da CW15. Caso a necessidade seja situar a empresa para fins tributários e fiscais, a CW15 também oferece esse serviço.

O atual momento econômico tem favorecido a procura. Devido ao isolamento e as restrições, muitas empresas estão precisando fechar seus espaços físicos e tem encontrado no coworking a solução de seus problemas.

“Estamos tendo muita procura principalmente para escritório virtual. Pessoas que se deram conta que podem ter um trabalho de home office, mas querem continuar com um negócio profissionalizado. Estão mantendo a casa para exercer a maior parte de sua atividade, mas continuam com um endereço comercial. Isso vai crescer também com empresas, que não precisam manter um escritório com muitas pessoas”, falou Mônica.

 

O coworking atende todos os setores de prestação de serviço, exceto lojas que vendem produtos. A CW15 tem mesas de trabalho colaborativas, salas compartilhadas, escritórios privativos, auditório para cursos, palestras e treinamentos, internet de alta velocidade, cadeiras confortáveis, ar condicionado, cozinha e copa, café, segurança e recepção, tudo dentro das normas reguladoras e da ABNT.

Preço acessível e ótima localização

Outra facilidade é a possibilidade de fazer um plano de horas ou até meses para utilizar tudo o que o espaço da CW15 oferece. O coworking está localizado próximo de bancos, restaurantes, e ainda possui um bistrô, que serve almoço e tem mezanino para reuniões expressas ou também para a possibilidade de um momento de descanso nos sofás e puffs.

“A ideia do coworking é dar um plano de trabalho por um preço acessível, porque aqui tudo é compartilhado. Isso reduz custos e gera um espaço bacana de trabalho”, explicou Mônica.

Segundo Maurício, “em São Paulo, grandes empresas estão tirando alguns departamentos da sede e colocando dentro de um coworking. Com isso eles conseguem buscar novas ideias”.

 

Devido a pandemia, a CW15 implementou todas as normas de segurança e está disponibilizando álcool em gel, máscaras, tapete de sanitização, proteções acrílicas nas mesas, além de cartazes com as informações de conscientização. A limpeza é feita diariamente e há higienização sempre que uma pessoa termina o uso do ambiente.

Eco Friendly

A CW15 tem ainda um lado sustentável e se preocupa com o meio ambiente. Há reciclagem de papel, estão implementando o ‘lixo zero’ e fazem uso da energia fotovoltaica.

 

“Toda a energia elétrica consumida aqui é gerada por painéis fotovoltaicos. Na realidade, a gente produz energia para o sistema. O que tem aqui é suficiente e ainda sobra. Todo o ambiente tem ar condicionado, então temos um consumo grande de energia. Tivemos essa preocupação de não estressar mais o meio ambiente, com um consumo desenfreado, usamos tudo, mas é energia produzida por nós e sem poluir”, refletiu Maurício.

Fonte: MN Marília Notícias 

Siga-nos nas Redes Sociais

Posts Recentes

Fique atualizado

Cadastre-se em nossa Newsletter

Não enviamos spam, apenas e-mail com matérias, notícias e atualizações do Criciúma Business Center.

Seu escritório pronto, na hora que você precisar.

Fale com nossos consultores e reserve seu espaço no trabalho